Panorama da Educação Básica no Brasil

0

Os números da Educação Básica Brasileira são incríveis, seja qual a ótica a se observar. Enquanto no exterior temos um investimento público 5 vezes maior neste estágio do ensino, no Brasil temos observado uma queda no número de alunos na ordem de 6,5%, comparativamente, no período entre 2014 e 2008, segundo estudo do MEC (Ministério da Educação e Cultura) e INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais). Isto se considerarmos que o número de brasileiros em idade escolar aumentou no mesmo período, conforme demonstra o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE.

Esta redução no número de alunos ou de seu crescimento poderia ser consequência do atingimento do estágio de maturidade no setor. Mas ao observarmos os dados do INEP mais detalhadamente, fica fácil perceber que o número de alunos matriculados nas instituições privadas está crescendo (28% no período), enquanto que aqueles matriculados no ensino público (Federal, Estadual e Municipal) está reduzindo (-12% entre 2008 e 2014):

Enquanto o número de alunos matriculados em escolas públicas reduziu de 86,7% para 81,7% no período do estudo, o número de Instituições de Ensino público foi reduzido de 82,4% para 79%. Dito de outra forma, o número de Instituições Federais, Municipais e Estaduais foi reduzido em -9,4%, e o número de Instituições Privadas cresceu 12,6%. Veja a evolução destes números:

Estes e outros dados, demonstram que a área do ensino brasileiro está passando por um momento de mudanças e aumento de competitividade, principalmente no setor privado. Dentre as principais exigências neste novo cenário, se encontra o uso de Sistemas de Gestão Acadêmica, que permitem às escolas uma gestão moderna, padronização de rotinas, facilitação de processos e integração de todos os dados da IE em uma única plataforma. Afinal, a competitividade só irá aumentar, junto com o grau de exigência de pais, alunos e do mercado.

Para saber mais, acesse www.matheussolucoes.com


Deixar uma Resposta

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *